28/05/2013

BRASIL: DIRETORES DA CSPB PARTICIPAM DE REUNIÃO PREPARATÓRIA PARA A DELEGAÇÃO TRIPARTITE BRASILEIRA DA 102ª CIT

24/05/2013

Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, realiza uma reunião preparatória para a “Delegação Tripartite Brasileira”, que participará da 102ª Conferência Internacional do Trabalho – CIT da Organização Internacional do Trabalho- OIT, em que “Desenvolvimento Sustentável, o Trabalho Decente e os Empregos Verdes” são os pilares do seminário, realizado nesta sexta-feira (24), no auditório do MTE, em Brasília-DF.

Os diretores da Confederação dos Servidores Públicos do Brasil -CSPB, componentes da Delegação Tripartite Brasileira, pelo MTE:  dir. de Assuntos Intersindicais, Rudney Vera de Carvalho e o dir. adjunto da Área Municipal, Wagner de Souza Rodrigues, participaram do seminário que versou sobre o desenvolvimento sustentável, trabalhos decentes e empregos verdes. “ Para a CSPB e o movimento sindical, o tema pautado é algo especial no tocante da convenção 151 da OIT” , destacou Rudney.

Os trabalhos começaram às 10h00 com discussão geral da 102ª CIT, com a apresentação do responsável da área de Empregos Verdes da OIT, Peter Poschen, que abordou os pontos cruciais sobre o relatório que estará disponível no segundo semestre. Logo após, a representante do Governo, a pesquisadora Daniele, falou sobre a situação panorâmica do Brasil no desenvolvimento sustentável, a Rio + 20 e a Conferência do Trabalho Decente, seguida do representante da bancada dos trabalhadores, Sr. Rafael. Depois das explanações foi aberto um debate com representantes de empregadores e trabalhadores.

Em sua apresentação, Peter Poschen disse que a relação com o Brasil é a mais estreita do mundo, pois foi o primeiro a discutir este tema na OIT: “ Essa palestra é uma iniciativa das boas práticas”. O responsável pela área de Empregos Verdes da OIT destacou: “ Essa oportunidade é única para aproveitar essa política…com a Conferência do Rio”.

Peter falou, ainda, sobre a economia de baixo carbono, reaproveitamento e oportunidades de identificar e lidar com os desafios e de políticas eficientes. Sobre os dois desafios do século 21. Em primeiro lugar as conquistas e sustentabilidade, o trabalho decente e logo o estreitamentos relacionados entre si. Na sequência destacou a perda de produtividade por causa da mudança climática.

A sustentabilidade ambiental pode ser o motor de crescimento econômico: “ Não estamos escolhendo um mal a outro, ao contrário disto, temos de superar os problemas e ainda geral empregos. Aproveitamos a sustentabilidade para melhorar as condições de vida da população. ” (Peter).

“O Brasil já foi modelo no passado e esperamos que seja modelo no futuro” , finaliza o representante.

A pesquisadora Daniele, levantou dados da OIT sobre a situação empregatícia da população: “ Segundo a OIT, 1,5 bilhões de pessoas estão desempregadas” . Sobre a questão ambiental ela foi enfática: ” Pode-se tratar , resolver os problemas ou mitiga-los. Daniele falou sobre a importância da OIT e destacou a capacitação e a criação de empresas sustentáveis, promoção do diálogo social e economia com baixo carbono”.

Em seus comentários gerais, o representante da Bancada dos Trabalhadores abordou o ciclo de vida do produto em três importantes etapas: “o produto, o processo e a organização. Rafael ressaltou que os trabalhadores estão nas três áreas: “Deve-se ter cultura que pense no desenvolvimento sustentável”. Ele deu destaque à necessidade de capacitação e concluiu: “Devemos ter marcos regulatórios que reflitam a realidade”.

Publicado por: Diretoria de Comunicação / CSPB

9 Vistas