05/10/2014

BRASIL: CSPB consegue unir federações no Maranhão

3/10/2014

 
A fusão da Federação Sindical dos Servidores Públicos no Estado do Maranhão (Fesep-MA)  com a Federação Interestadual dos Servidores Públicos Municipais e Estaduais (Fesempre) foi oficializada na manhã dessa sexta-feira (3). A partir de hoje, a Fesep-MA deixa de existir para se tornar a nova base da Fesempre no Maranhão. As duas Federações são filiadas à Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB) o que contou muito para que os diretores das duas entidades chegassem a um acordo de unificação.

“A Fesep-MA não havia conseguido ainda o registro no Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Como a Fesempre já é reconhecida pelo órgão e também é filiada a CSPB, as diretorias entraram em acordo e decidiram oficializar a fusão no sentido de fortalecer ainda mais a luta sindical no Estado”, afirma o ex-presidente da Fesep-MA e novo diretor regional da Fesempre no Maranhão, Anibal da Silva Lins ( 1º secretário da CSPB).
 
O diretor adjunto de Segurança Pública e Defesa Social da CSPB e presidente da Central UGT no Maranhão, Weber Henrique Nascimento, o vice- presidente da CSPB no Maranhão, Márcio Luís Andrade Souza, o vice- presidente do Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Maranhão – Sindjus- MA, e representante da Central NCST, Fredson Souza Costa,   estarão à frente da Fesempre naquele estado. Além deles, farão parte da diretoria regional da Federação os diretores dos Sindicatos dos Servidores Públicos filiados à CTB, Central Sindical que também compõe a base da Fesempre no Maranhão.

Novas Metas
De acordo com o novo diretor regional da Fesempre no Maranhão, Anibal Lins, a expectativa é de que a nova base seja instalada no Estado em até 90 dias. Além disso, todos os sindicatos filiados a Fesep- MA estão sendo orientados a formalizar a filiação imediata à Fesempre. Ainda segundo Anibal da Silva Lins, outro objetivo da nova base é realizar um curso de Formação Político-Sindical para uma primeira turma de 50 dirigentes sindicais maranhenses ainda este ano.

“Estou muito satisfeito com esse acordo, pois sou defensor ferrenho da unidade dos trabalhadores. Meu principal compromisso como mais novo militante da Fesempre será apoiar todas as iniciativas da Federação no Maranhão que promovam a solidariedade de classe entre os trabalhadores do serviço público”, destacou.
 
O acordo que permitiu a participação dos sindicatos da Fesep-MA na Fesempre e a dissolução da Federação Maranhense prevê o respeito ao direito dos sindicatos de base manter relações políticas orgânicas com Federações nacionais específicas dos seus respetivos ramos profissionais. O Sindjus-MA, presidido por Aníbal Lins e que representa os servidores do poder judiciário do estado do Maranhão, por exemplo, continuará integrado também à Federação Nacional dos Servidores do Judiciário (Fenajud), que articula as lutas nacionais específicas desse segmento.
 
O presidente da Fesempre, Aldo Liberato, falou sobre a fusão das duas Federações: “Tenho certeza de que foi a escolha certa para os dois lados. Juntos seremos muito mais fortes para a concretização dos objetivos comuns dos trabalhadores. Todos nós estamos de parabéns. Agora é arregaçarmos as mangas e botar a mão na massa para defendermos com muita raça os direitos dos servidores públicos do Maranhão”, ressaltou.

Secom/CSPB com
Imprensa/Fesempre

7 Vistas